Noticias

Veja como o mundo mudou do Internet Explorer para o Google Chrome

Em algum lugar nas profundezas do seu cérebro, você deve se lembrar de um tempo em que acessar qualquer coisa na internet significava abrir o Internet Explorer. Mas, como mostra este infográfico, não faz tanto tempo assim que o mundo era dominado pelo IE. E aí, há alguns anos, quase todos os países mudaram para o Chrome.

A visualização abaixo, que colore os países de acordo com o navegador mais popular em desktops e tablets por ano, foi criada por Jody Sieradzki usando dados do StatCounter.

O Chrome, que começou com 0,91% em julho de 2008, hoje domina 49,57% dos navegadores mundiais. E mesmo que a presença do IE seja muito menor do que em 2008 – eram 67,92% na época – ele continua em segundo lugar, com 18,29% do mercado.

Alguns padrões regionais também são fascinante de se ver: o Opera, por exemplo, teve um breve momento de glória na Rússia e nos antigos países da União Soviética há seis anos, enquanto o Firefox se espalhou pela Ásia e África entre 2011 e 2012 antes de ser destronado pelo Chrome. Em 2014, os poucos habitantes da Groenlândia decidiram dar uma chance ao Safari.

Mas todos estes experimentos foram breves:

1376995898733746097

O StatCounter também mostra dados de motores de busca, e de 2008 para cá, o Google foi um líder dominante — mantendo quase 90% deste domínio em 2013 (com 89,52%) e em 2014 (com 88,5%). O Bing atinge o segundo lugar dos motores de busca desde 2011, mas com apenas 4,19% desde mercado – ainda muito, muito distante do Google.

[Dadaviz]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s